Minicurso I

Toxicogenética – conceitos, aplicações e importância clínica

Toxicologia genética é a ciência que estuda as interações de compostos químicos, biológicos e físicos com o DNA, bem como, a probabilidade de ocorrência de danos a partir desta interação. Para a avaliação de tais danos, podem ser utilizadas análises toxicológicas nas áreas ambientais ou clínicas, além de laboratoriais para pesquisa, desenvolvimento e controle de qualidade de fármacos e fitoterápicos. Existem diversos testes in vitro, in vivo e clínicos que podem ser realizados para tais análises, dentre eles, Testes Antioxidantes, Teste Allium cepa, Teste de Micronúcleos com e sem bloqueio de citocinese, Ensaio Cometa, Teste de Aberrações Cromossômicas, dentre outros. Mas afinal, qual a importância de estudar toxicogenética? Tem alguma aplicação na prática clínica? Sim. Existem diversas metodologias que podem ser utilizadas para a avaliação e, até mesmo, monitoramento de pacientes expostos a algum xenobiótico ou tratamento terapêutico. Desta forma, o objetivo deste curso é compreender os principais conceitos e aplicações da toxicogenética para, assim, utilizá-los na prática clínica.

Profª. Me. Ana Maria Oliveira Ferreira da Mata

Biomédica (UNINOVAFAPI, 2013), especialista em Docência do Ensino Superior (UNINOVAFAPI, 2016), mestre em Ciências Farmacêuticas (UFPI, 2017), doutoranda em Biotecnologia em Saúde [Rede Nordeste de Biotecnologia] (UFPI). Professora do curso de Biomedicina da Universidade Federal do Piauí (UFPI/CMRV, 2019). Atua na área de análises clínicas, toxicologia, mutagênese e carcinogênese com ênfase em genotoxicidade e mutagenicidade do meio ambiente, produtos naturais e medicamentos. Atualmente é colaboradora de projetos de pesquisa no Laboratório de Pesquisa em Genética Toxicológica - LAPGENIC (UFPI).

Rua Prof. Dr. Celso Wagner Zanin, nº 250, Distrito de Rubião Júnior, Botucatu - SP, CEP 18618-689. Contato: enbm.ibb@unesp.br

Todos os direitos reservados.